Umas dicas importantes para passar na Alfândega!

Umas dicas importantes para passar na Alfândega!

Regras da Alfândega, o que é permitido e proibido?

Todo mundo adora viajar, se programa, se prepara, mas muitas vezes nos empolgamos demais no que levar ou esquecemos o que é proibido e permitido carregar na bagagem. Então criamos este post para dar umas dicas bem interessantes para que quando chegue a tão sonhada hora da sua viagem, não tenha nenhum inconveniente ;).

  1. Bens a Declarar: 

    Você deve declarar seus bens sempre que tiver produtos que não se enquadrem nas seguintes categorias, isto é, quando tiver mercadorias que ultrapassem a cota de isenção, produtos falsificados ou que necessitem de controles específicos.

    – Bens tributáveis a cima da cota isenção.

          – Porte de valores em especie acima de R$10.000,00

          – Produtos sujeitos a controle da Vigilância Sanitária, Agropecuária e Exercito.

       2. Não Precisa Declarar: 

       – Se você estiver sem bagagem

       – Com bagagem dentro do limite de isenção aduaneira.

       – Com bens cuja circulação não seja proibida.

       – Bens de uso e consumo pessoal.

       3. Itens Proibidos:

       Drogas, Produtos radioativos, armas, explosivos, material de guerra, produtos falsificados, especies protegidas de animais ou plantas, produtos ou alimentos de origem animal, produtos vegetais incluindo frutos, plantas e sementes.

       4. Limites Isenção: 

       – Via aérea e marítima U$500,00

       – Via Terrestre, fluvial e lacustre: U$ 300,00

*Além desses limites, o viajante tem U$500 dólares adicionais de isenção para uso em Free Shop no primeiro aeroporto de desembarque no Brasil.

As compras feitas nas lojas Free Shop de chegada ao Brasil possuem uma quantidade limitada de itens que você pode adquirir:

  • 24 unidades de bebidas alcoólicas, observando a quantidade máxima de 12  unidades por tipo de bebida;
  • 20 maços de cigarros;
  • 25 unidades de charutos ou cigarrilhas;
  • 250 g de fumo preparado para cachimbo;
  • 10 unidades de artigos de Higiene e Beleza; e
  •  3 unidades de relógios, máquinas, aparelhos, equipamentos, brinquedos, jogos ou instrumentos elétricos ou eletrônicos.

*Limites

Além do limite adicional do Free Shop, o viajante precisa ficar atento ao limite quantitativo de produtos juntamente ao limite de valor desses produtos.

Que não precisam declarar caso estive de acordo aos limites:

 

Bens Via aérea e marítima Via terrestre, fluvial e lacustre
  • Bebidas Alcoólicas
  • 12 litros no total
  • 12 litros no total
  • Cigarros de fabricação estrangeira
  • 10 maços (20 unidades cada)
  • 10 maços (20 unidades cada)
  • Charutos ou cigarrilhas
  • 25 unidades no total
  • 25 unidades no total
  • Fumo
  • 25 unidades no total
  • 25 unidades no total
  • Bens não relacionados  acima
  •  Inferiores a US$10,00: até 20 unidades, no mínimo 10 idênticos
  • Inferiores a US$5,00: até 20 unidades, no mínimo 10 idênticos
  • Bens não relacionados  acima
  •    Superiores a US$10,00; até 20     unidades, no máximo 3 idênticos
  • Superiores a US$5,00; até 20 unidades, no máximo 3 idênticos

*Produtos fora da cota de isenção

-Produtos de uso pessoal (roupas, calçados, joias)

-Relógio

-Maquina fotográfica (uma)

-Aparelho celular

-Carrinho de Bebé

-Instrumento Musical.

Agora que já tem essas dicas importantíssimas!, curta sua viagem sem preocupações de tramites aduaneiros e burocracias, deixe tudo prontinho!

Traveler Souls

 

Fonte: http://amamosviajar.com.br/

 

 

Gostou desse post? Por favor dê sua opnião!